O Coral da FEA também não parou

  Filipe Fonseca,
  Regente do Coral da FEA e aluno da Faculdade
 


As aulas de graduação, de pós-graduação, parte dos eventos e defesas de mestrado e doutorados têm acontecido na FEA, mesmo à distância. Tudo está sendo mantido, inclusive as atividades administrativas, o que demonstra que a FEA não para. Mas você sabia que as aulas do Coral da FEA também têm acontecido “normalmente”? As atividades do grupo não cessaram desde praticamente o início da quarentena, decretada pelo Governo do Estado de São Paulo, dia 24 de março de 2020, ficando suspensas apenas na primeira semana.

O regente e responsável pelo Coral da FEA, e também aluno de administração da Faculdade, Filipe Fonseca se desdobrou para pensar em uma nova maneira de lecionar para o grupo de coralistas. Filipe contou que vivenciou essa adaptação em todos os outros corais que ele participa.

Diante das dificuldades inerentes à distância, Filipe citou a desvantagem do Coral da FEA ser um coro novo e com alta rotatividade. Na primeira tentativa, ele preparou alguns áudios com a música Mulher Rendeira, canção esta que o grupo já dominava, e pediu que cada um dos integrantes gravassem um vídeo com sua parte. “Logo percebi que não teria sucesso, pois alguns coralistas ou não conheciam a música ou não tinham a habilidade para cantar em cima de uma base de piano, o que consideramos uma habilidade muito difícil”, explicou.

Ultrapassada a dificuldade inicial, Filipe encontrou uma solução mais viável que acabou perdurando. Os encontros passaram a ser virtuais com o uso da plataforma Zoom. “As aulas se dividem em dois momentos. Na primeira parte, o grupo faz exercícios de alongamento e respiração. Num segundo momento, grava individualmente”, diz Filipe sobre os vocalises, um exercício vocal que consiste em cantar sobre uma ou mais vogais várias linhas melódicas com notas especificamente arranjadas como prática didática. Para que isso se viabilizasse, o regente prepara os exercícios de vocalise e os hospeda no YouTube. “Os alunos realizam os exercícios seguindo a minha playlist e depois retornam à chamada de vídeo para finalizarmos a aula”, explica Filipe.

O trabalho do Filipe praticamente dobrou, já que existe uma preparação prévia para o desenvolvimento das aulas. “Agora é necessário que eu grave semanalmente os exercícios de voz. As gravações dos conteúdos são demoradas, às vezes gravo duas vezes ou mais e ainda edito os vídeos e os disponibilizo no YouTube. A carga de horário do trabalho aumentou”, sinaliza.

Filipe conta que com as aulas à distância, há a pretensão de fazermos um coro virtual e que para isso estão ensaiando uma nova música. Para a conclusão dessa atividade, será utilizado o aplicativo que ele mesmo desenvolveu, o Virtual Choir (Coro Virtual), um app que ajuda os músicos a criarem montagens de vídeo, possibilitando que gravem, importem as gravações de amigos e sincronize tudo. O aplicativo é gratuito e está disponível na Play Store (apenas para Android) e pode ser baixado no link https://play.google.com/store/apps/details?id=com.filipefonseca.virtualchoir

Presencialmente as aulas ocorriam todas às quartas-feiras, para dois grupos, o da manhã, das 11h às 12h30, e o da noite, das 19h às 20h. Agora, na versão virtual, os encontros mantêm os mesmos horários, porém com 30 minutos a menos de duração, para não ficarem cansativos.

O Coral da FEA receberá novos inscritos no segundo semestre. As aulas continuarão sendo à distância, mas toda a comunidade feana é bem-vinda para embarcar nessa aventura virtual. Em meio a pandemia, essa é uma boa oportunidade para aprender algo que faz bem à alma.

Mais informações sobre o Coral da FEA podem ser obtidas com uma das coralistas da FEA e também responsável pela área administrativa do Coral, Roberta de Paula, cujo email é rorpaula@usp.br.

 

  Regente Filipe Fonseca e coralistas do Coral da FEA em aula online, fazendo exercícios de respiração


Serviço
Coral da FEA
Inf.: rorpaula@usp.br


Autora: Milena Neves Ramos
Gente da FEA - junho de 2020

Data do Conteúdo: 
Segunda-feira, 15 Junho, 2020

Departamento:

Sugira uma notícia