Fundo Patrimonial FEAUSP patrocina prêmios a alunos

 

Por Cacilda Luna

 

O Fundo Patrimonial FEAUSP patrocinou os prêmios oferecidos aos melhores alunos dentre os formandos de 2020 pelos departamentos de Economia, Administração e Contabilidade e Atuária. Foram destinados ao todo R$ 12 mil reais, sendo R$ 3 mil para cada um dos cursos. O apoio é uma forma de contribuir com o crescimento profissional e acadêmico dos estudantes que mais se destacaram, além do reconhecimento pelo esforço empreendido durante todo o período da graduação.

 

O anúncio da premiação foi feito durante a Aula Magna pelo professor Hélio Nogueira da Cruz, diretor presidente da Fundação Fundo Patrimonial FEAUSP. Os premiados foram Raphaela Castro Mariano de Carvalho (Economia), Aline Yumi Komatsu e Matheus Wilhelmus van Schaik (Administração), Natália Gonçalves Bersanetti (Ciências Contábeis) e Gabriel Juliano Araújo (Ciências Atuariais).

 

De acordo com o professor Hélio Nogueira da Cruz, cada departamento decidiu como seriam destinados os valores, ou seja, se a forma de avaliação dos melhores alunos seria feita com base no ranking de notas ou pelo melhor trabalho de conclusão do curso.

 

Raphaela Castro Mariano de Carvalho, da Economia, conquistou o prêmio de melhor aluna com a monografia “Impacto do rompimento da barragem de Fundão sobre a saúde dos municípios atingidos de Minas Gerais”. Ela teve a orientação da professora Paula Carvalho Pereda. Raphaela recebeu como prêmio de melhor aluna da Economia o valor de R$ 3 mil.

 

Ao falar sobre o prêmio, Raphaela disse que ele representa um “símbolo de superação”, pois estudou em escola pública e sempre teve dificuldade em matérias de exatas. “Ter ganhado esse prêmio num assunto envolvendo econometria e estatística, para mim é um símbolo de superação. Sempre tive dificuldade em mátérias de exatas devido ao déficit dessas matérias no ensino médio”. Assista ao depoimento da aluna Raphaela Castro Mariano de Carvalho.

 

Outro premiado, Matheus Wilhelmus van Schaik disse que encara o prêmio "como uma cereja do bolo”, um toque final depois de todo o esforço ao longo dos anos. “Eu sinto que eu saio da universidade, da faculdade, com sentimento de dever cumprido”. O aluno comentou que realizou um intercâmbio para a Holanda e, ao final do curso, conseguiu um emprego. Confira o depoimento do aluno Matheus van Schaik.

 

A aluna Aline Yumi Komatsu revelou que a FEA abriu muitas oportunidades, tanto profissionais quanto acadêmicas. “Aqui tive a oportunidade de realizar novos sonhos, como fazer intercâmbio e ter aula com professores muito qualificados e inspiradores”. Ela agradeceu ao Fundo Patrimonial pelo prêmio e espera incentivar outros alunos a se dedicarem e aproveitarem a FEA, “porque essa é uma experiência única e inesquecível”.

 

Natália Gonçalves Bersanetti declarou que o ambiente feano proporcionou a ela muitas vivências e amizades. “Foram inúmeras experiências profissionais e pessoais que marcaram o passado, orientam o presente e o futuro de quem passa pela FEA”.

 

Já Gabriel Giuliano Araújo agradeceu os professores e toda a turma de 2017 pelas “trocas de experiência ao longo desses anos”.

 

Fundo Patrimonial FEAUSP

Website: https://www.fpfeausp.org.br/

Tel: 11 3091-6074

Email: contato@fpfeausp.org.br

 

Data do Conteúdo: 
Terça-feira, 25 Maio, 2021

Departamento:

Sugira uma notícia