FEA Cultural USP dissemina conhecimento das artes na faculdade

A FEA Cultural USP é uma entidade universitária formada por alunos da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. Criada em outubro de 2020, a organização visa disseminar o conhecimento das artes e realizar projetos culturais, educacionais e sociais para o desenvolvimento da comunidade.

O projeto surgiu a partir do Clube de Leitura FEA USP, criado em março de 2020 e que busca promover a literatura no meio universitário através de encontros, campanhas e de publicações nas mídias sociais. Com o crescimento do clube e o desejo de potencializar suas ações, um grupo de alunos decidiu criar o FEA Cultural. Atualmente, a entidade conta com 8 alunos na diretoria, 30 gestores e realiza processos seletivos para a entrada de novos membros.

Ana Laura Prieto, aluna de Administração na FEA e presidente da FEA Cultural, conta que a iniciativa surgiu a partir da demanda de alunos pelo contato com o setor cultural: “A FEA proporciona muitas oportunidades para os alunos, mas o âmbito cultural acaba sendo esquecido, não havendo matérias ou eventos voltados para a administração ou economia das artes”.

A organização realiza projetos que promovem a arte e beneficiam a comunidade feana. Campanhas beneficentes como a Ação Literária, a Rifa Solidária e o Projeto Pequeno Artista, os podcasts Culturalismos e Para o seu dia, Poesia! e a administração do Clube de Leitura FEAUSP, do LALB (Leitura e Análise de Livros Business) — clube de leitura voltado para a área de negócios — e o Club de la Esperanza Literária — voltado para o acolhimento de refugiados venezuelanos. 

O projeto Uma Biblioteca para a Beija-Flor consiste na construção de um espaço de leitura e de compartilhamento de conhecimento na unidade próxima a Diadema da Rede Cultural Beija-Flor. Ele possui parcerias com a Distribuidora D3, Editora Kapulana, Editora SENAC, Editora Bambolê, Saíra Editorial e Editora Paulinas, além da FEA Social e do Cursinho FEA USP. Há também a iniciativa da restauração da escultura de Tomie Ohtake, localizada em frente à FEA, em parceria com o Fundo Patrimonial FEA USP, o Instituto Patrimonial FEAUSP e o Farah Services. A entidade também realizará a exposição Solário USP, que contará com artes dos alunos da universidade, no dia 1 de novembro.

A FEA Cultural recebe apoio de outros institutos para divulgar seus projetos, mas ainda precisa de auxílio. “Acredito que poderíamos nos beneficiar muito de orientações e mentorias dos professores, principalmente em alguns projetos específicos, além de seus contatos com o meio corporativo”, afirma Ana Laura. Ela conta que a arte foi um fator determinante em sua vida e por isso escolheu seu curso e se dedicar aos projetos. “Nosso objetivo é construir uma organização que valorize tanto a arte em si, quanto seu potencial de mudar vidas.”

O projeto realiza posts no Twitter, Facebook e Instagram para divulgar as ações e disseminar o conhecimento artístico para a comunidade. Um processo seletivo, aberto para estudantes de outras faculdades, será realizado no ano que vem para os interessados em fazer parte da diretoria. Acompanhe as redes sociais e o site da FEA Cultural para saber mais sobre o projeto. 

  Equipe do FEA Cultural
 


Gente da FEA - outubro de 2021

Autor: Pedro Ferreira

Data do Conteúdo: 
Terça-feira, 19 Outubro, 2021

Departamento:

Sugira uma notícia