FEA Social promove campanha de doação de sangue

Por Bruna Arimathea

O dia 9 de março na FEA foi marcado pela boa ação e generosidade de parte de alunos e funcionários da USP. Promovido pela FEA Social, a campanha Sangue Bom transformou o Auditório Safra, que fica na Biblioteca FEAUSP, num pequeno hemocentro. As cadeiras deram espaço às macas.

A intenção da entidade era justamente promover a consciência da doação dentro da FEA, em parceria com o Banco de Sangue Paulista, que atualmente se encontra em estoque crítico de todos os tipos de sangue. “O que a gente vê bastante é que muita gente posterga a doação de sangue. Sentimos que, se trouxéssemos o hemocentro para a FEA, seria mais palpável para as pessoas virem”, afirmou Ana Lívia Santana, estudante de Administração e gerente de eventos da FEA Social.

Se para o Banco de Sangue Paulista é uma ótima ação para aumentar seu estoque, para os alunos é uma oportunidade de praticar o bem e incentivar a prática no meio universitário. Rodrigo Lancuba, aluno de Contabilidade, relatou que não é a primeira vez que ele doa sangue pela campanha da entidade, e que o fato de ter o hemocentro montado ali facilita na hora da decisão. Rodrigo ainda aponta que uma grande vantagem da ação ocorrer dentro da FEA é que os amigos participam da doação juntos, o que é uma motivação entre eles.

As funcionárias do Banco de Sangue Paulista ressaltaram a importância do ato e da conscientização dessa prática entre os jovens. Michele Vitória de Deus, analista do Banco, pontuou: “É bom trazer a doação para a universidade porque a pessoa já cria uma consciência, faz o bem para o próximo. [Aqui] Eles são mais receptivos, sabem da importância, e para a gente é bastante gratificante”.

Em seu quinto ano de existência, a campanha atrai cada vez mais alunos e funcionários da FEA que desejam fazer parte de um dia de solidariedade. E é essa a abordagem que a FEA Social pretende manter para continuar o sucesso nas doações: “A gente tenta chamar os funcionários que querem participar e se envolver mais na causa. Tentamos abranger um grande público em uma causa mais que necessária. A intenção é realmente atingir o máximo de pessoas possíveis” encerrou Ana Lívia.

Data do Conteúdo: 
segunda-feira, 12 Março, 2018

Departamento:

Sugira uma notícia