FEA Funcionários - Grupo de pescaria: aliando diversão à integração

Conheça um pouco mais sobre o grupo de pescaria criado por funcionários da FEA

    Reunir pessoas para realizar uma atividade de lazer prazerosa é sempre muito bom. E se essa atividade ainda proporciona uma integração que extrapola os encontros, melhorando o relacionamento no local de trabalho, é ainda melhor! É justamente esse o intuito do grupo de pescaria criado por funcionários da FEA em abril de 2006: unir diversão à integração.

    De acordo com o idealizador do grupo, o técnico acadêmico Guilherme Ricardo de Araújo Filho, desde a sua criação, já houve duas pescarias, uma em julho de 2006 e outra em maio desse ano.

    Normalmente, o grupo vai pescar em Bertioga, litoral de São Paulo. A idéia deu tão certo que, segundo Guilherme, estão planejando a criação de uma Associação dos Pescadores da FEA, não só para aumentar a divulgação do grupo de pescaria, mas também para que mais pessoas se interessem em participar. Atualmente, o grupo é composto por Guilherme, pelos técnicos acadêmicos da seção de alunos, Ricardo Bueno Pereira de Barros e Valdir Borges dos Santos, pelo recepcionista, Moisés Santana, pelo técnico acadêmico da seção de pós-graduação, Francisco Oliveira Costa, e pelo
professor de contabilidade, Edison Ryu Ishikura.

    Para que os interessados possam se organizar melhor, as pescarias são planejadas com antecedência. “Não é um passeio tão barato. Só o aluguel do barco é R$ 700,00. Então, nós fazemos uma programação antecipada, parcelamos os pagamentos para que não fique pesado para ninguém”, explica Ricardo.

    Nessas pescarias, onde os participantes passam um dia inteiro em alto-mar, não se pode reclamar de desconforto. “O barco é seguro, tem colete salva-vidas para todos os sócios, beliche e até churrasqueira”, comenta Guilherme, que garante que o passeio é muito gostoso: “vale a pena, porque além de levar peixe fresco para casa, a gente se diverte muito, ri o dia inteiro”.

    Aumentar o contato e a amizade com o pessoal do trabalho é outro benefício proporcionado pela pescaria. “Está havendo uma integração maior entre esse grupo de pessoas que se interessam pelo assunto. Isso ajudou a gente a se conhecer melhor e o ambiente de trabalho também fica mais gostoso, porque passamos a ter mais liberdade com os colegas para conversar”, garante Guilherme, que relembra o último passeio: “a gente pescou uns peixes grandes mesmo. Tem até fotos para comprovar”.

    Quem estiver interessado em participar do grupo de pescaria, deverá entrar em contato com Guilherme, pelo telefone 3091-5852 e programar-se, pois o próximo passeio já foi marcado para 6 de outubro.

Data do Conteúdo: 
quarta-feira, 1 Agosto, 2007

Departamento:

Sugira uma notícia