Equipe da FEA fica em 2º lugar na competição de finanças de Harvard

 

Cacilda Luna

 

Por pouco a equipe da FEA não vence a edição 2020 da Global Case Competition at Harvard, uma competição global de finanças promovida todos os anos pela Harvard Business School (EUA), com foco nas áreas de Investment Banking e Private Equity. Formada pelas alunas Isabella Fonseca (Economia) e Rafaele Aoyama, Elis Cotosky e Stephanie Luft (Administração), a equipe da USP, intitulada Hydras, ficou atrás apenas da Shaheed Sukhdev College of Business Studies, da University of Delhi. A final foi disputada no dia 25 de abril, por meio virtual. A equipe vencedora recebeu o prêmio de US$ 10 mil.

 

O desafio dos participantes era responder à questão: “A Amazon deveria comprar o Netflix?“ (foto da presentation). Geralmente, o tema proposto é uma sugestão de fusão entre duas empresas. Os estudantes devem montar uma análise qualitativa e quantitativa sobre a fusão, enfocando aspectos financeiro, industrial e viabilidade da fusão.

 

Mais de 100 grupos participaram da seleção. A FEA foi a única representante latino-americana e teve a orientação da professora Liliam Sanchez Carrete, do departamento de Administração da FEA. A final foi disputada, ainda, pelas seguintes instituições de ensino: London Business School, HEC Paris, John Hopkins University, MIT, London Business School, ESSEC Business School, Schulich School of Business e Chinese University Hong Kong. 

 

O prêmio em dinheiro é apenas para o primeiro lugar, porém os finalistas ganham o certificado de finalista pela Harvard Business School. A equipe brasileira irá ao evento do ano que vem, em Boston, para ter experiência fisica. Este ano, a disputa foi realizada pela internet, devido à pandemia. 

 

 

Data do Conteúdo: 
segunda-feira, 13 Abril, 2020

Departamento:

Sugira uma notícia