Com novo formato e doação de cabelo, FEA recepciona calouros

Texto: Bruno Carbinatto
Fotos: Ismael Belmiro do Rosário

Veja as fotos AQUI dessa recepção incrível

Calouros 2019Em 2019, a FEA vai receber 590 novos estudantes no seu corpo discente. Esse ano, foram aprovados 413 ingressantes via Fuvest e 177 via Sisu, nos quatro cursos da Faculdade: Administração, Economia, Ciências Contábeis e Ciências Atuariais. Foram reservadas, no total, 236 vagas para cotas sociais e raciais, medida que passou a vigorar em 2018 com a intenção de tornar a FEA mais diversa e inclusiva.

Pela primeira vez, a matrícula dos calouros foi totalmente online, o que permitiu uma recepção antecipada e unificada dos ingressantes do Sisu e da Fuvest. No dia 14, na semana anterior do início das aulas, o Centro Acadêmico Visconde de Cairu (CAVC), representante dos alunos, organizou um grande evento de recepção para os novos feanos, que contou com palestras, conversas e, claro, o tradicional trote nos chamados “bixos”.

O professor Fábio Frezzati, atual diretor da FEA, e seu vice, José Afonso Mazzon, deram às boas vindas aos novos alunos e aproveitaram para parabenizar os pais e familiares dos ingressantes, os quais foram “fundamentais para essa conquista”, nas palavras do diretor. Eles também reiteraram a importância da USP para o Brasil, como um dos maiores centros de pesquisa e ensino da América Latina.

Além disso, os ingressantes tiveram a oportunidade de conhecer outras instituições ligadas a FEA, como o Instituto Funcadi (Fundação Carlos e Diva Pinho), a Amefea (Associação dos Amigos da FEA), e o banco Santander, que tem entre seus projetos bolsas de auxílio e intercâmbio para os estudantes da USP.

Na recepção organizada pelos veteranos, o saguão do FEA-1 ficou lotado. O novo formato espalhou as entidades estudantis em stands e permitiu que os novos alunos circulassem livremente entre os grupos, conversando com os veteranos e descobrindo as possibilidades de esportes, cultura e extensão que a FEA proporciona. Estiveram presentes diversas entidades feanas, como a FEA Júnior, o Cursinho FEA, Bateria S/A, entre outras.

Além disso, o trote solidário, inaugurado em 2015, continuou neste ano. Organizada pela FEA Social e pela ONG Cabelegria, a iniciativa trouxe três profissionais do ramo para cortar o cabelo dos interessados e arrecadar doação para a confecção de perucas para crianças com câncer. A estrutura de salão de beleza chamou a atenção e não faltaram voluntários para a boa ação. O “trote solidário” vem da ideia frequente de cortar e raspar o cabelo quando se ingressa na Universidade, além de incentivar uma recepção sem violência e positiva para a sociedade.

Apesar da recepção antecipada, a FEA ainda prepara uma semana de recepção para os novos alunos, com atividades e apresentações todos os dias. Confira a programação aqui.

 

Data do Conteúdo: 
sexta-feira, 15 Fevereiro, 2019

Departamento:

Sugira uma notícia