Trancamento total

Entende-se por trancamento total de matrícula a interrupção das atividades escolares em todas as disciplinas em que o aluno estiver matriculado.

- A solicitação do trancamento é realizada através de formulário próprio, fornecido pelo Serviço de Graduação, indicando os motivos que o impedem de prosseguir suas atividades escolares.

- O aluno poderá solicitar o trancamento total de matrícula em qualquer época do ano, sendo que os pedidos realizados após a 4ª semana de aula deverão conter o atestado de frequência de todas as disciplinas em que o requerente esteja matriculado no semestre atual.

- Se a solicitação for feita durante o transcurso das aulas o aluno não poderá estar reprovado por frequência em disciplinas cuja soma dos créditos ultrapasse 25% (vinte e cinco por cento) do total de créditos em que estiver matriculado. Exemplo, o aluno que está matriculado em 24 créditos só poderá estar reprovado, por frequência, no máximo em disciplinas cuja soma totalize 6 (seis) créditos.

- Caso o aluno não tenha feito matrícula no período estipulado no calendário USP, e, consequentemente, não esteja frequentando as aulas regularmente, este poderá realizar o pedido de trancamento total até a 4ª semana de aula do semestre.

- Para aqueles alunos que estão matriculados, e que não estejam frequentando regularmente as aulas poderão realizar o pedido de trancamento total até a 4ª semana de aula do semestre.

- A soma dos períodos de trancamento total de matrícula do aluno não poderá exceder a 03 (três) anos, nas seguintes condições:

  a) até 02 (dois) anos, justificativa simples;

  b) após esse período, ate mais 01 (um) ano, quando a solicitação for devidamente justificada, a critério da Comissão de Graduação, que analisará e emitirá um parecer sobre o caso.

  - Não ultrapassando este prazo, o aluno terá o direito de retornar em sua própria vaga, devendo submeter-se às adaptações curriculares julgadas necessárias pela Comissão de Graduação.

  - Não é permitido o trancamento total de matrícula ao aluno que não tenha obtido pelo menos 24 (vinte e quatro) créditos em seu currículo, ressalvados os casos excepcionais, que serão julgados pela Comissão de Graduação.

  - O período em que o aluno estiver legalmente afastado, em virtude de trancamento total de matrícula, não será computado nos cálculos relativos ao cancelamento de matrícula (Resoluções CoG 3761/90 e 4811/00).

Arquivos anexos: 
Frequência Trancamento Total